Acesse!


BRPRESS NO TWITTER

BRASIL - Reforma da Previdência segue sem consenso
Ter, 09 de Julho de 2019 15:26

Ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, com Jair Bolsona...

(brpress*) - Ao chegar na Câmara dos Deputados nesta terça-feira (09/07), o presidente da casa, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse querer votar o texto-base da reforma da Previdência no mesmo dia e deixar os destaques para quarta (10). Mas a tramitação seguiu enrolada e a votação não aconteceu. No Twitter, bombaram top trends a favor e contra: #1TrilhaoSemPrivilegios e #ReformaNão, respectivamente. 

Líderes refletem a falta de consenso da sociedade e não chegaram a acordo sobre passo a passo da votação: parlamentares a favor da proposta tentaram que a oposição a não apresentasse os chamados 'kits obstrução' (requerimentos regimentais com o objetivo de atrasar os trabalhos). Oposicionistas não acataram a sugestão. 

Exportadores rurais

A oposição  informou que vai apresentar nove destaques com sugestões de mudanças na proposta, que terão de ser apreciados após a votação do texto-base da PEC, entre eles a reoneração para exportadores rurais. 

Durante a votação do relatório da reforma na comissão especial, foi aprovado um destaque que devolveu a isenção da contribuição previdenciária para exportadores rurais, o que renderia R$ 83,9 bilhões aos cofres federais em uma década. 

Com a manutenção do benefício para exportadores rurais, a economia final com a reforma da Previdência caiu de R$ 1,072 trilhão para R$ 987,5 bilhões. O valor ficou um pouco abaixo da economia mínima de R$ 1 trilhão pedida pelo ministério da Economia.