Acesse!


BRPRESS NO TWITTER

CINEMA - Londres invade Copacabana
Qua, 03 de Outubro de 2012 21:52

(Rio de Janeiro, BR Press) - Suspense! Uma  invasão inglesa está prestes a ocupar a praia de Copacabana, na noite desta quinta-feira (04/10), às 20h. Mas não se assuste: trata-se de uma invasão cinematográfica, pacífica, que celebra a parceria entre a Cidade Maravilhosa e Londres, iniciada com a passagem da tocha olímpica de lá para cá, ao término das Olimpíadas de 2012.

    A operação ganhou o nome militaresco de Foco Reino Unido e o palco das ações é o Festival do Rio. Os ponta de lança dessa invasão são Alfred Hitchcock e James Bond, símbolos máximos da sétima arte nas terras da rainha Elizabeth II.

Mudo com música

    O mestre do suspense aporta na praia de Copacabana - Posto 3 nesta quinta (04/10), às 20 horas (entre as ruas Hilário de Gouveia e Siqueira Campos), com seu filme de estreia, The Pleasure Garden, de 1926, restaurado especialmente para esta exibição.

    O filme é mudo e a trilha sonora original, de David Cohen, será executada pela Orquestra Sinfônica Brasileira Jovem, regida pelo maestro inglês Christopher Austin. Suspense e emoção de arrepiar os cabelos!

Global Bond Day

    James Bond chega na sexta (05/10), também às 20h, para comemorar meio século de vida nas telas. Foi num dia 5 de outubro, em 1962, que o primeiro filme da franquia, Dr. No (que aqui ganhou o título de 007 Contra o Satânico Dr. No), com Sean Connery, estreou mundialmente. Por isso, o Global Bond Day é celebrado na data.

    Desde então, foram dezenas de títulos (inclusive Moonraker, rodado no Rio, em 1979), muitos imitadores, mas nenhum com o charme e o sucesso de crítica e bilheteria do agente a serviço de Sua Majestade.

Até 2016

    “Estes eventos são melhor exemplo das relações que queremos estabelecer com o Brasil”, diz a diretora assistente de Arte do British Council, Lucimara Letelier. O British Council é o patrocinador da mostra e também faz a curadoria.

    “Queremos sensibilizar as autoridades brasileiras para as novas possibilidades de parcerias. Para isso, o British Film Institute organiza encontros entre criadores brasileiros e britânicos para criar novas formas de relacionamento, num processo que deve durar até 2016, quando as Olimpíadas acontecem aqui.”

    Mas nem só de clássicos vive a mostra Foco Reino Unido, produções inéditas como Great Expectations, de Mike Newell, London Modern Babylon, de Julien Temple, estão no cardápio, que tem ainda uma homenagem ao cineasta brasileiro Alberto Cavalcanti, que exilou-se em Londres durante o Estado Novo (1937-1945) e produziu muito lá.

Grátis.