Acesse!


BRPRESS NO TWITTER

ÍNDIOS - Campanha mobiliza celebridades pelos Awá
Qua, 12 de Junho de 2013 19:52

O fotógrafo Sebastião Salgado na campanha Brasil: Salve os...

(Londres, BR Press*) - Se o governo brasileiro  se sente ou não sob crescente pressão com o novo anúncio da Survival International ‘Pare de Reclamar’, sobre a tribo mais ameaçada do mundo que chegou a milhões de leitores ao redor do mundo, não é sabido. Mas o tema ganhou destaque  em países como Reino Unido, França, Alemanha, Austrália, Itália, Espanha, Japão e muitos outros.

    A história angustiante de Karapiru, um homem da tribo Awá na Amazônia brasileira, que testemunhou o massacre de sua família nas mãos de pistoleiros e fugiu para a floresta onde viveu durante 10 anos, apareceu em revistas renomadas como a Vanity Fair, House & Garden, Psychologies e publicações do American Express: as revistas Centurion e Departures.

Extinção?

    Os Awá são a tribo mais ameaçada do mundo, uma vez que madeireiros destroem a sua floresta mais rápido do que em qualquer outro território indígena na Amazônia brasileira. A campanha exige que o governo brasileiro expulseos madeireiros, invasores e fazendeiros ilegais da terra dos Awá.

    Haikaramoka’a, um homem Awá disse a Survival: ‘Os madeireiros estão mexendo na nossa mata. Temos medo e não estamos mais isolados". 

    Engajamento

    Um ano após o ator Colin Firth lançar a campanha da Survival International para salvar os Awá, um grande número de celebridades internacionais se juntaram a ele e sua mulher Livia no apoio da campanha urgente.

    O fotógrafo brasileiro Sebastião Salgado, a estrela de Hollywood Gillian Anderson, a estilista britânica Vivienne Westwood, a banda californiana de rock Allah-Las, os atores Mark Rylance, Sophie Okonedo, Emilia Fox, Sinead Cusak e as estrelas da série Game of Thrones Oona Chaplin, Natalia Tena e Finn Jones estão entre as celebridades fotografadas com o ícone Awá que diz ‘Brasil: Salve os Awá’.

    Gillian Anderson declarou à Survival: ‘Nós precisamos acordar coletivamente como seres humanos e ajudar a salvar os Awá. Não podemos ver um povo ser extinto devido à negligência e cobiça de alguns. Todos temos esse dever’.

        O diretor da Survival Stephen Corry disse hoje, ‘Os Awá estão sendo destaque na mídia em todo mundo e o Brasil está se tornando sinônimo de fracasso ao não salvar a tribo mais ameaçada do mundo. Com a Copa do Mundo e as Olimpíadas impulsionando o Brasil para o centro das atenções, o governo precisa agir rápido para salvar a sua reputação internacional’.

(*) Com informações da Survival International, ONG que ajuda os povos indígenas a defender suas vidas, proteger suas terras e determinar seu próprio futuro, desde 1969.